Casal surpreende convidados ao trocar presentes de casamento por doações a Ong de proteção aos animais

Mesmo com poucos utensílios e móveis, casal de Curitiba não pensou duas vezes: no lugar de presentes, pediu ração para ajudar animais abandonados

Marcelo e Rebeca: no lugar de presentes, ração para cachorros para doar para uma ONG. Foto: arquivo pessoal.
Quem casa quer casa ou – para alguns– quem casa quer também uma oportunidade para ajudar e inspirar outras pessoas a fazer o mesmo. Foi o que fez o casal Marcelo Botte, de 27 anos e Rebeca Quadros, de 25. Na hora de fazer o convite de casamento, eles dispensaram o papel, fizeram um vídeo e um site, para evitar o desperdício e dar as coordenadas para celebração. No convite, avisavam o presente: doações de ração de cachorro para uma ONG que ajuda animais abandonados. “No começo, muita gente criticou, mas acabaram aceitando e o resultado foi incrível. Arrecadamos 287 quilos de ração”, conta Marcelo.

O casamento aconteceu no último dia 24 de setembro, em Curitiba, e a arrecadação superou as expectativas do casal. A ideia surgiu quando eles estavam preparando a cerimônia. “Nós queríamos aproveitar o momento para ajudar alguém. Tem sempre quem precisa mais do que nós”, diz Marcelo. Como os dois gostam muito de animais e já tinham adotado cachorros antes, resolveram visitar algumas ONGs. Foi assim que conheceram o trabalho da ONG Entre Patas e Beijos, de Araucária.

“Antes de escolhermos a ONG fomos visitar para saber se faziam um trabalho sério. Não queríamos correr riscos”, conta Marcelo. Ele revela que alguns amigos que vão casar se inspiraram na atitude dele e da noiva para fazer uma ação semelhante. “Nossa recomendação é conhecer o trabalho da instituição antes da escolha”, diz.

Marcelo revela que apesar da reação inicial, todos os convidados ajudaram. “Nossa casa está vazia. Não temos sofá nem televisão, faz até eco, mas nossa consciência está tranquila. É muito bom poder ajudar”, enfatiza. Para ele, a ação não termina no casamento e é só um começo para continuar ajudando animais abandonados. Tanto que mesmo antes de oficializar o casamento, o casal já tinha adotado um novo membro para a família: a vira-lata “Pipoca”.
Postar um comentário